Sh’vat

Postado em

tetragrama

Sh’vat é o mês referente ao signo de Aquário e nele comemora-se o chamado “ano-novo das árvores”. Sh’vat é o décimo-primeiro mês do calendário judaico (assim como aquário é o 11º signo) e seu 15º dia, na lua cheia, tem relação com o sagrado nome de Deus, composto por quatro letras e chamado de tetragrama.
 
A importância desse nome é tanta que os judeus não o pronunciam. Na Torah (os cinco primeiro livros da Bíblia) Deus chamou a Si mesmo por esse nome ao falar com Moisés. É considerado como o mais “pessoal” dos nomes de Deus e chamá-Lo por tal seria como dirigir-se a um rei sem respeitar nenhum protocolo.

As quatro letras que formam esse nome são YOD – HE – VAV – HE. Assim como escrevem o nome de Deus, essas letras formam tudo no universo. São as quatro forças primordiais. E cada uma delas tem um valor numérico específico. É aí que entra a relação com Sh’vat.
 
Yod + He tem o valor numérico de 15 – correspondem, desse modo, ao dia 15 do mês.
Vav + He tem o valor numérico de 11 – correspondente ao mês 11 – Sh’vat. O dia 15 de cada mês hebraico cai sempre na Lua Cheia. Essa fase da Lua sempre acontece quando o Sol encontra-se em um signo e a Lua em seu oposto complementar. Se estamos falando do 15 de Sh’vat, estamos falando – novamente – dos signos de Leão e Aquário.
 
Eu já escrevi anteriormente sobre a chegada do messias e a alma gêmea, relacionados ao Sol em Leão e a Lua em Aquário. Mas agora a situação se inverte. É o Sol em Aquário e a Lua em Leão. Se no primeiro tínhamos a vinda do Messias à Terra como o noivo que vem ao encontro de sua alma gêmea, agora temos a noiva que vai de encontro a seu amado.
 
Isso, em termos práticos, quer dizer que é o momento de nos elevarmos em direção ao Criador.
 
Como? Eu conto em outro post!

2 comentários em “Sh’vat

    Sh’vat disse:
    sábado, 05 janeiro 2008 às 12:42 am

    […] Sh’vat Sh’vat é o mês referente ao signo de Aquário e nele comemora-se o chamado “ano-novo das árvores”. Sh’vat é o décimo-primeiro mês do calendário judaico (assim como aquário é o 11º signo) e seu 15º dia, na lua cheia, tem relação com o sagrado nome de Deus, composto por quatro letras e chamado de tetragrama.   A importância desse nome é tanta que os judeus não o pronunciam. Na Torah (os cinco primeiro livros da Bíblia) Deus chamou a Si mesmo por esse nome ao falar com Moisés. É considerado como o mais “pessoal” dos nomes de Deus e chamá-Lo por tal seria como dirigir-se a um rei sem respeitar nenhum protocolo. […]

    bartira disse:
    sexta-feira, 22 agosto 2008 às 12:15 pm

    Cheguei aqui buscando ler sobre o mês de Shevat!
    Gostei de sua forma de escrever! Vou ler mais de seu blog.
    Fico feliz quando encontro alguém que gosta de compartilhar conhecimento.
    Abraço.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s